Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

cheia

cheia

30
Mai22

A incerteza (10)

cheia

A incerteza (10)

 

As relações entre os homens são como alguns fenómenos naturais

Os tremores de terra e os vulcões vão, durante muitos anos, libertando pequenas tensões, evitando grandes calamidades

Mas, chega um momento em que isso não é suficiente, dando lugar a grandes tremores de terra e a grandes explosões vulcânicas

Assim, parece estar a acontecer com os homens, depois de 77 anos sem guerras mundiais, com escaramuças, por todo o mundo, para libertarem o ódio, que certos povos nutrem uns pelos outros, as diferentes religiões, visões, patamares de desenvolvimento, desigualdades, sem esquecer os que se julgam superiores

Putin abriu a caixa de pandora, ao invadir a Ucrânia, fazendo com que o mundo livre se tenha levantado contra ele

Biden está a contar as espingardas, para saber com quem pode contar, para enfrentar a China, caso esta invada Taiwan

Quando as nações, em vez de cooperarem, começam a prepara-se para se enfrentarem, não podemos esperar nada de bom

 É mais dinheiro para a defesa, menos para o que é essencial para as populações, mais pobreza

A quantidade de dinheiro que é gasto em armamento, defesa, guerras dava para acabar com a pobreza

Mas, infelizmente, os homens não se conseguem entender, estão sempre a tentar saber qual é o mais forte, quem tem armas mais mortíferas, e os povos aplaudem os grandes desfiles militares!

Recentemente foi criado o Quadro Económico Indo-Pacífico

(The Indo-Pacific Economic Framework) (IPEF), que conta com 13 países: Estados Unidos da América, Austrália, India, Brunei, Indonésia, Malásia, Filipinas, Singapura, Tailândia, Vietnam, Nova Zelândia e Coreia do Sul

Em 2015, devido às duras sanções aplicadas à Rússia, pela UE e os Estados Unidos, aquando da anexação da Crimeia, foi criada a União Económica Eurasiática (UEE), que inclui a Rússia, a Arménia, Bielorússia, Cazaquistão e Quirguízia,

 

Somos um país de acolhimento, há 82 anos muitos luxemburgueses refugiaram-se em Portugal, fugiram da guerra, à semelhança do que está a acontecer com os ucranianos

Entre eles veio a grã-duquesa do Luxemburgo, Charlotte, acompanhada pela mãe, Maria Ana de Bragança, filha de D. Miguel, com vistos passados por Aristides de Sousa Mendes

A sua comitiva era composta por cerca de 70 pessoas

Devemos orgulharmo-nos de sermos um povo acolhedor, que já deu, por diversas vezes, provas de que está sempre pronto para acolher quem necessita de abrigo.

 

José Silva Costa

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

     

 

 

 

 

 

  

26
Mai22

A incerteza (9)

cheia

A incerteza (9)

Quase todo “o mundo livre” já foi à Ucrânia prestar solidariedade ao povo ucraniano, por causa da brutal invasão das tropas russas, a mando de Putin

No dia 21/05/2022, foi a vez do nosso primeiro-ministro, o primeiro primeiro-ministro português a visitar aquele país, para reforçar a solidariedade de Portugal e condenar a barbara invasão, que tanta morte e destruição tem causado, e que colocou todo o mundo em sobressalto

Enquanto a nova lei dos metadados não ata nem desata, a Procuradora Geral da República disse que há “um nicho” na lei, que permite continuar a aceder a metadados para investigar, trata-se da autorização que as empresas de telecomunicações têm para guardarem os dados durante seis meses, para efeitos de faturação

O porto de Sines, hoje tão elogiado, não deixou de, nas primeiras décadas, ser considerado mais um elefante branco, onde muito dinheiro tinha sido enterrado

Problemas na construção do porto e excesso de otimismo quanto a certas indústrias petroquímicas contribuíram para que muita tinta corresse, dizendo mal da opção da sua construção

Entre 1970 a 1972 foi criado o Gabinete da Área de Sines, em 1971, foi delimitada a área de Sines, abrangendo uma área de 400 km2

O porto de Sines entrou em exploração em 1978, e o Gabinete da Área de Sines foi extinto em 1986

O pão nosso de cada dia!

A 24/05/2022 centenas de inspetores da Polícia Judiciária, um juiz e magistrados do Ministério Público foram incumbidos da execução de 54 mandados de busca

Aveiro, Braga, Castelo Branco, Coimbra, Évora, Faro, Guarda, Lisboa, Porto e Portalegre, onde foram constituídos arguidos 21 pessoas singulares e 16 pessoas coletivas

Dedicavam-se à produção de projetos, com informações e faturação falsas, suscetíveis de obterem financiamento pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) Portugal 2020

Financiamento para a internacionalização das pequenas e médias empresas no montante de 3 milhões de euros, que não iriam para as empresas, mas para os seus bolsos

Também, no mesmo dia, foram presos dois fiscais da Câmara Municipal de Lisboa e o proprietário de uma obra, na cidade, por terem sido apanhados, em flagrante delito a receber 2 mil euros, pela Polícia Judiciária, devido a denúncia

Os fiscais ficaram em prisão preventiva

Nos Estados Unidos da América, no Texas, mais um tiroteio numa Escola Primária fez 21 mortos: 18 alunos, duas professoras e o atirador

Quantas mais crianças terão de morrer, para que consigam vencer o lóbi das armas, e consigam perceber que aramas não são pães, são o horror para muitos pais e muitas mães?

Continua

 

23
Mai22

A incerteza (8)

cheia

A incerteza (8)

 

O ajuste direto, um expediente muito usado, para negociar com correligionários e até adversários, com a possibilidade de escolherem a quem querem entregar o contrato, sem a burocracia de um concurso público, onde é mais difícil escolher o vencedor

Para gerir o muito dinheiro que vamos receber da UE, o Governo criou o Banco Português de Fomento, não sei se por não haver cofres suficientes nos outros Bancos, ou se era preciso criar empregos para os amigos

O Banco Português de Fomento adjudicou por ajuste direto um contrato de assessoria jurídica, no valor de 100 mil euros, ao escritório Sousa Pinheiro & Montenegro

Um Banco criado em novembro de 2020, com um capital de 3.811 milhões. Já recebeu mais 250 milhões do Fundo de Recuperação e Resiliência

Com tanto dinheiro para contar e armazenar, ainda não conseguiu fechar as contas de 2020 e 2021. Se calhar precisa de muitos mais funcionários!  

Voltámos aos gloriosos tempos de antes da TRIOCA, já temos 741.288 Funcionários Públicos

O Governador do Banco de Portugal disse que o aumento de funcionários públicos pode pôr em causa a redução da dívida pública, tão necessária, quando os juros não param de subir

Portugal continua a ser um dos países mais endividado da UE. Mas, o novo Ministro das finanças diz que reduzir a divida é uma prioridade, vamos ver se vai acontecer

António Almeida Costa, de 66 anos, será a escolha dos cincos juízes do Tribunal Constitucional indicados pelo PSD

As juízas opõem-se à ida de um magistrado antiaborto para o Tribunal Constitucional

A Associação Portuguesa de Mulheres juristas recorda um artigo, do juiz, publicado em dezembro de 1984, na revista da Ordem dos Advogados, no qual manifesta posições contrárias ao aborto

António Almeida Costa diz que as mulheres não devem ter direito ao aborto, caso este aconteça na sequência de uma violação, baseando-se em experiências realizadas em campos de concentração do Holocausto, que concluíram que as mulheres raramente engravidam na sequência de uma violação

A esperança é de que não obtenha a concordância de sete juízes, condição indispensável para ser cooptado.

Continua

 

19
Mai22

A incerteza (7)

cheia

    A incerteza (7)  

 Os duros anos oitenta do século vinte, em que a inflação atingiu 30%, fazendo com que o Governo do bloco central, do PS e PSD, tivesse de recorrer ao FMI, e fosse obrigado a implementar uma política de grande austeridade

Para suavizar os tempos difíceis, há sempre quem tente aproveitar o desespero dos outros, para se governar

Apareceu a DOPA (organização que comercializava irregularmente divisas!)

A Dona Branca: uma senhora que criou um esquema em pirâmide, que pagava juros astronómicos, a quem lhe confia-se as poupanças

Foi uma loucura, eram filas enormes para conseguirem entregar o dinheiro, receberem os juros e um papel assinado como recibo do tinham entregado

Houve quem disse-se que eram caixas de sapatos cheias de dinheiro por todo o lado

O Governo não tinha como intervir, disse que não era seguro entregarem-lhe o dinheiro, e a senhora não resistiu à vaidade de dar entrevistas a dois jornais, o que fez com que todos acorressem a quererem reaver o dinheiro, fazendo com que começassem a aparecer cheques sem cobertura, o que levou à prisão da Dona Branca

Muitos ficaram sem o capital e os juros, a pirâmide, por falta de novos depósitos, ruiu e caiu como um baralho de cartas

Menos de um ano depois foi criado o Banco Comercial Português (17/06/1985), um banco que tinha a fama de não empregar mulheres, porque poderiam ter de faltar para darem assistência aos filhos

Como o Banco Comercial Português era mais virado para os seniores, criaram o Banco Nova Rede, direcionado para os jovens, e onde empregaram, também, mulheres

Com a entrada do novo milénio, criaram o Milénio BCP e acabaram com o Banco Nova Rede

Mas os milionários precisavam de um Banco só para eles, sem terem de se misturar com a arraia-miúda

Foi criado em 1996, sem balcões e só para quem tinha milhões: o Banco Privado Português

Foi sol de pouca dura: as boas taxas de juros. A 16 de abril de 2010, foi lhe retirada a autorização para o exercício da atividade Bancária, pelo Banco de Portugal

Não resistiu à crise financeira internacional, com origem nos EUA, no verão de 2007, como aconteceu com tantos outros, por esse mundo fora

Em novembro de 2008, o Banco Português de negócios foi nacionalizado

Em 2014 foi a vez do BES-Banco Espírito Santo dar origem ao Novo Banco

Em 2015 seguiu-se o BANIF-Banco Internacional do Funchal

Quase todos, senão todos, tiveram de ser ajudados e deixaram muitos lesados

Para compensar, este ano, temos o Banco de Portugal e a Caixa Geral de Depósitos a entregarem muitos milhões ao Estado, por, em 2021, terem tido muitos lucros

A Espanha deu um grande passo em frente no que toca aos direitos das mulheres:

Criação da licença menstrual

As mulheres com idade de 16 e 17 anos poderão interromper a gravidez sem autorização dos pais

O aborto passa a ser possível até às 21 semanas.

Continua

 

 

16
Mai22

A incerteza (6)

cheia

A Incerteza (6)

Telenovelas à portuguesa:

O acolhimento de refugiados ucranianos por russos é uma telenovela, que está para durar e lavar. Onde mais isto poderia ter acontecido?

Há quem diga que é um terramoto judicial, o acórdão do Tribunal Constitucional sobre a lei que obriga as operadoras de telecomunicações a guardarem os metadados das comunicações eletrónicas durante um ano

A Procuradora Geral da República pediu ao Tribunal Constitucional para anular o acórdão, mas o Tribunal não vai apreciar esse pedido

O Presidente da República diz que o Governo deveria pedir ao Tribunal Constitucional para tentar arranjar uma solução, mas o primeiro-ministro diz que quer fazer uma revisão cirúrgica à constituição, esperemos pelo desfecho

Já há advogados a pedirem a reabertura dos processos, uma vez que o acórdão do Tribunal Constitucional tem efeitos retroativo a 2009

A ministra da saúde queria que a interrupção voluntária da gravidez fosse um indicador de desempenho, premiando as equipas dos centros de saúde, que tivessem menos abortos

Mas as deputadas e os deputados do PS, Isabel Moreira, Alexandra Leitão, Joana Sá Pereira, Pedro Delgado Alves e Miguel Matos disseram: “ Não aceitamos, desde logo, que a existência de uma mulher com interrupção voluntária da gravidez (IVG) seja interpretada como ausência de planeamento familiar. Em todos os casos é sempre uma mulher que exerceu um direito. Não cabe ao Estado inferir as causas”

Devido à grande contestação esse indicador foi retirado. Por agora o problema parece estar resolvido. Mas não nos podemos esquecer do que está a acontecer, nos estados unidos da américa, devido à eleição de Trump, que nomeou vários juízes antiaborto, para o supremo tribunal, se o senado norte-americano, em junho, revogar a lei que protege o direito ao aborto, vários estados podem proibilo imediatamente  

A dívida pública, que um dia sobe e outro desce, está perto dos 130 por cento do produto interno bruto, com os juros a subirem, o serviço da dívida vai, cada vez, ficar-nos mais caro

Promessas de redução da dívida não têm faltado, mas o que se tem visto é irem todos os dias pedir mais milhões, emprestados

A Finlândia e a Suécia, devido à agressão da Rússia à Ucrânia, querem pedir a adesão à NATO, mas a Turquia veio dizer que não apoia a entrada dos dois países, na NATO

A diplomacia vai tentar que os 30 países, que constituem a NATO, cheguem a acordo para uma integração rápida dos novos membros

A Rússia continua a dizer-se ameaçada por todos, até pela sua própria sombra, quando é ela a maior ameaça para todo o mundo, contribuindo para virar tudo avesso, com um número indeterminado de mortos, feridos, deslocados, fome e a destruição da Ucrânia.

Continua.

    

 

12
Mai22

A incerteza (5)

cheia

A incerteza (5)

Com a vitória dos nacionalistas, nas eleições legislativas, a Irlanda do Norte quer fazer um referendo para sair do Reino Unido e juntar-se à República da Irlanda

A nossa Europa está em ebulição e os tempos de e incerteza continuarão 

Vamos ver como é que o Reino Unido vai descalçar esta bota. A saída do Reino unido da UE continua a provocar ondas de choque

Portugal, sempre, de mão estendida, recebeu, no dia da Europa, mais um cheque do Plano de Recuperação e Resiliência, no valor de 1,170 milhões de Euros

Dinheiro não nos falta, se for bem aplicado, pode ser que faça com que nos tornemos num país desenvolvido, sem precisarmos de andar de mão estendida

Muito se especulou sobre o que Putin diria no dia da Europa, mas ele continua com o disco riscado de que a NATO queria invadir o seu chão sagrado

Infelizmente, vamos continuar a ver a destruição da Ucrânia, que é o que alguns querem, para que Putin enfraqueça e se aborreça, ou que alguém lhe abra a cabeça

Por enquanto, parece ter o apoio do seu povo, ou dos que estão confusos com a sua propaganda, dizendo-lhes que quase todo o mundo está contra eles, e que ele é o salvador da pátria, como fazem todos os ditadores

Começam por agitar bandeiras, rufar tambores, apelar ao nacionalismo, vomitam ódio contra os outros, mostrando-se muito preocupados com os símbolos, com as fronteiras, com a soberania, com tudo o que lhes provoque uma forte azia, para enfurecer a multidão

Como é que pais e mães ficam tão orgulhosos, nos desfiles do arsenal bélico, sabendo que todo aquele material bélico saiu do trabalho das suas mãos, e que será usado para matar os seus filhos?

Infelizmente, por todo o mundo, há essa exaltação do poderio militar, para irmãos matar, para os recursos abocanhar, em detrimento do pão, da educação, da saúde, do progresso, do bem-estar

E aqueles a quem chamam antigos combatentes, como eu, que nunca me senti combatente, e ainda me queriam dar um crachá, para todos saberem que tinha estado na guerra, triste passado, de que nada me orgulho, desfilam, carregados de medalhas ensanguentadas, fazendo a triste figura de se orgulharem de muitos terem matado  

Enquanto houver multidões a admirar fanfarras e tambores, as guerras vão continuar, pois não são capazes de se interrogar por que razão vão matar o seu irmão

Depois de tantos séculos e de tantas camadas de verniz, continuamos a pensar e a agir, como se tivéssemos saído, agora, das cavernas, e tivéssemos de disputar uma peça de caça ou a raiz duma planta para nos alimentarmos.

 

Continua

 

09
Mai22

A incerteza (4)

cheia

A incerteza (4)

Dia da Europa

A regionalização continua na ordem do dia. Agora, foi a vez do ex-presidente da República General, Ramalho Eanes dizer que a regionalização não é importante nesta altura

Mas, Costa não desiste, quer descentralizar os serviços, para que em 2024 consiga, em referendo, aprovar a regionalização

Segundo o Governo, não haverá regionalização sem um processo de descentralização consolidado

A Associação Nacional de Municípios deu parecer desfavorável à proposta de orçamento para 2022

O Fundo Social Municipal deve 104 milhões aos Municípios

A descentralização é bem-vinda, ao contrário da regionalização, que só serve para criar mais tachos para a clientela dos partidos, que nunca esta saciada

A promessa de médicos de saúde para todos contínua por cumprir, e agravou-se, agora, temos um milhão e trezentas mil pessoas sem médico de família

Ir dormir para a potra dos Centros de Saúde não resolve, porque há consultas, cujo tempo de espera chega aos três anos

Hoje, comemora-se o dia da Europa, que ambicionei, um dia fosse um Continente de paz, progresso e fraternidade, mas, infelizmente, há quem não partilhe desses valores

Este ano não há motivo para comemoração, a não ser para os que querem comemorar a insanidade de outro país invadir, de matar, de destruir, de causar sofrimento ao seu povo e a todo o resto do mundo

Estávamos convencidos que tínhamos aprendido, com as guerras do passado, que com as guerras, ninguém ganha mas todos perdem

A URSS era composta por 15 repúblicas: Rússia, Ucrânia, Bielorrússia, Estónia, Letónia, Lituânia, Arménia, Geórgia, Moldávia, Azerbaijão, Cazaquistão, Tajiquistão, Quirguistão, Turquemenistão e Usbequistão

O pacto de Varsóvia, criado a 14/05/1955 era composto pela URSS, a Polónia, a Albânia, a Bulgária, a Checoslováquia, a Hungria, a Roménia, e a República Democrática Alemã (RDA) 

 

Continua

 

05
Mai22

A incerteza (3)

cheia

 A incerteza (3)

 

A eleição do novo presidente americano veio estragar os planos dos ditadores

 Agora, têm um, poderoso, defensor das liberdades do lado dos democratas, que os vai questionar, enfrentar e, se possível, vingar-se das intervenções nas eleições, não só do seu país, como de outros

Os ditadores querem criar uma nova ordem mundial, este sistema hibrido, de ditadores e democratas, parece ter chegado ao fim, não resistiu à pandemia, à invasão da Ucrânia, e principalmente à eleição do presidente americano

Sentem-se ameaçados, encurralados, necessitam de clarificações, de confrontações

Querem saber até onde chega o seu poder, para melhor o saber, nada como desencadear uma guerra, para saberem até onde podem ir e com quem podem contar

Tiveram uma reação não esperada, o mundo livre levantou-se contra as atitudes do invasor

Temos um mundo bipolarizado, em que se contam espingardas de um e do outro lado

O frágil equilíbrio que nos permitiu beneficiar da globalização, parece ter acabado

As sanções, as retaliações vão deixar profundas feridas, que levarão algum tempo a sarar

E, ainda não sabemos como e quando estes confrontos vão terminar

Uma coisa é certa, todo o mundo está a sofrer, por causa desta insensata invasão

Com grande sofrimento para os povos da Federação Russa, mas ainda mais para o povo Ucraniano

A china e a América entraram em rota de colisão, trata-se de dois galos para um poleiro

Vamos ver quem o consegue, ou se terão de dividir a laranja ao meio, como aconteceu aquando dos descobrimentos, em que Portugal e Espanha dividiram o mundo entre eles

A democracia é como a vida estão sempre em perigo, temos tudo de fazer para as conservar

Trump não foi reeleito, mas prometeu que acabaria com a legalização do aborto

Deixou o Supremo Tribunal de Justiça armadilhado com a nomeação de três juízes antiaborto

Agora, soube-se que estão a elaborar uma lei para alterar a que prevê o direito ao aborto em todos os estados

Assim que ficou a conhecer o projeto, a presidente da Câmara dos Representantes dos EUA., Nancy Pelosi, disse que era um “ato abominável”

Por cá, o Chega, também já começou com propostas de confrontação, ao dizer que queria que os símbolos religiosos voltassem aos espaços públicos, nos Açores

Nunca fui militante de nenhum partido, mas sei quanto são importantes, os partidos, para o funcionamento da democracia

Se Luís Montenegro for eleito para presidente do PPD, que é como ele acha que o partido se deve chamar, então a democracia poderá estar em perigo, caso a soma do número de deputados, do PPD e do Chega, chegue para formar Governo, porque o Chega, ao contrário dos partidos de extrema-esquerda, é um partido que não respeita a Constituição.

 

Continua

 

 

02
Mai22

A incerteza (2)

cheia

A incerteza (2)

 

Os ditadores não conseguem conviver com os democratas, porque estes estão, sempre, a confrontá-los com os direitos humanos, coisas que para eles não têm importância

Coisas somenos são, também, a prisão ou eliminação dos seus adversários, que não conseguem perceber que os ditadores são os donos das suas vidas e dos seus países

Não contentes com tantas afrontas aos seus dedicados dirigentes, que tudo fazem para que nada falte aos seus súbditos, os democratas ainda se permitem pronunciar a palavra liberdade, que é uma coisa, que os seus delicados ouvidos não podem ouvir pronunciar

E, há ditadores que são tão generosos, humanitários, bondosos, que subsidiam partidos, organizações, associações para ajudarem, via eleições livres, coisa de que não gostam nada, para que ajudem a libertar essas nações do terrível sistema de eleições livres

Foi preciso Putin mandar invadir, perdão, invadir não, trata-se de uma operação especial de ajuda aos ucranianos, para percebermos as relações entre o SEFF e uma associação russa, que tem ajudado na integração dos refugiados ucranianos

Uma colaboração prestimosa, que não aconteceu só com o SEFF, mas também com as Câmaras Municipais

No SEFF, nem tudo terá corrido de feição: morreu um cidadão, resolveram extingui-lo, já anunciaram, por duas ou três vezes, a data da sua morte, mas ainda não conseguiram concretizá-la, o que não admira, porque começam pelo telhado, quando chegam às fundações, estas não aguentam com o telhado, por ser demasiado pesado

Estava tudo a correr como o planeado: eleger ditadores no Brasil e na América, fazer saltar o Reino Unido para fora da UE, mas o facto de não terem conseguido reeleger Trump veio acabar com ”aquele engano ledo e cego, que a fortuna não deixa durar muito” (Camões)

Depois de dois anos de uma terrível pandemia, quando o mundo se preparava para voltar a respirar, o ditador não perdeu a oportunidade para invadir mais uma nação, nas anteriores agressões tinha tido sucesso, se alguém se tinha revoltado, não tinha ido além das palavras, coisas que não entram nos seus delicados ouvidos

Por que razão, desta vez, seria diferente?

Aconselhou-se com o seu amigo chinês, que está tão ou mais interessado que ele em acabar com esse detestável sistema de eleições livres, pedindo-lhe para não iniciar a operação especial antes dos Jogos Olímpicos de Inverno terminarem.

 

 

Continua

 

  

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2011
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2010
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2009
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2008
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2007
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub