Terça-feira, 28 de Março de 2017

Ora, bolas!

Ora, bolas!

 

Como tudo está mudado!

A violência futebolística, já tem honras de estado

As claques têm imunidade

Podem praticar toda a barbaridade

Desporto, já não existe!

Só o dinheiro persiste

Os dirigentes são bem o exemplo:

Da intolerância, da malvadez e má educação

São os donos da Nação

A quem os fanáticos beijam a mão

Todos os políticos toleram a sua brutalidade

Na esperança de amealhar a sua amizade (votos)

Já nem a seleção consegue unir a violência autorizada

A que pomposamente chamam claques.

 

 

José Silva Costa

tags:
publicado por cheia às 22:54
link do post | comentar | favorito (1)
|
12 comentários:
De O ultimo fecha a porta a 28 de Março de 2017 às 23:34
Adoro a expressão "ora bolas!" :)

As claques andam na ordem do dia porque no futebol está tudo muito crispado.


De cheia a 29 de Março de 2017 às 21:59
Nada justifica tanta crispação!


De jabeiteslp a 29 de Março de 2017 às 08:38
Mai nada
pois já não há pudor, ou vergonha.

Feliz dia José


De cheia a 29 de Março de 2017 às 21:51
Sem esquecer os resultados combinados!


De Chic'Ana a 29 de Março de 2017 às 11:34
Sinceramente eu deixei de assistir a um espétaculo de futebol (para mim é entretenimento), pois o ambiente não me agradava de todo...
beijinhos


De cheia a 29 de Março de 2017 às 21:49
De espetáculo a campo de batalha!


De alfacinha a 30 de Março de 2017 às 10:56
infelizmente são excessos do tempo moderno
Abraço


De cheia a 30 de Março de 2017 às 20:46
São excessos muito preocupantes. Um abraço


De Melhor Amiga Procura-se a 31 de Março de 2017 às 14:14
Ora bolas.............


De cheia a 31 de Março de 2017 às 21:59
Nem mais, nem menos, a bola não tem ponta por onde se lhe pegue!


De HD a 31 de Março de 2017 às 19:11
A verdade desportiva desvaneceu... :(


De cheia a 31 de Março de 2017 às 21:55
É caso para dizer, cada um tem a sua verdade.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
14
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. O brilho da nação!

. Adeus

. Verso e reverso

. O que faço?

. Censurados!

. O Clima......

. Se o ridículo matasse ......

. Outono

. Infeções!

. Setembro

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

.tags

. todas as tags

.favorito

. [LIVROS] | As Coisas Que ...

. O Órfão . Capítulo III

. Vaidades

. Já sentiram empatia hoje?

. "The handmaid´s tale": fi...

. Como nasce o amor....

. Os professores deram-me u...

. Há Festa no Panteão! E Ma...

. Oh inclemências indignada...

. Ruas...

blogs SAPO

.subscrever feeds