Domingo, 12 de Novembro de 2017

Adeus

Meu saudoso irmão

Irmão, meu irmão

Partiste tão cedo!

Sem que tivéssemos tido tempo

De relembrar as nossas aventuras

Os seis anos que brincámos, juntos (porque aos dez anos saí do nosso lar, para ir trabalhar)

Os brinquedos que inventámos

Nós, nunca fomos visitados pelo Pai Natal

Todos os nossos brinquedos foram da nossa autoria

Com mais quatro anos, queria impor as regras

Mas, tu nem sempre concordavas

Então, tínhamos de negocia-las

Cada um tinha o seu rebanho de ovelhas

Que pastoreávamos na margem da ribeira

Materializado por seixos brancos

Os mais pequenos eram os borregos

Os dois maiores representavam o cão e o pastor

Um dia inventámos um escorrega

Descobrimos uma grande laje, com bastante inclinação, na margem da ribeira

Mas tínhamos de arranjar qualquer coisa onde nos sentarmos, para não estragarmos as calças

Já não sei de quem foi a ideia de arranjar uma grande esteva

Onde nos sentávamos e descíamos, à vez

Ao princípio, com todo o cuidado, íamos travando com os pés, descalços, com medo

Mas, à medida que a adrenalina nos fez esquecer o que poderia acontecer

Acelerávamos, e, só nos últimos metros tentávamos travar, para reduzir o embate

Nos dias frios de outono e inverno, quando a superfície da ribeira gelava, chegava o desafio

Tentar tirar e levar para terra, aquilo a que chamávamos espelhos: a maior superfície e água gelada, numa operação sincronizada, para que não se partissem.

 

Adeus.Descansa em paz.

 

José Silva Costa

 

 

 

 

 

 

 

publicado por cheia às 22:36
link do post | comentar | favorito (2)
|
10 comentários:
De jabeiteslp a 13 de Novembro de 2017 às 17:04
Um Adeus é partir
e recordar também, alguém,,,

Os meus sinceros sentimentos
Boa Semana


De cheia a 13 de Novembro de 2017 às 21:01
Obrigado.

Boa semana


De Carlos a 13 de Novembro de 2017 às 19:59
Os meus sentimentos!
Os que mais amamos não morrem se os mantermos vivos nos nossos corações!
Um grande abraço.


De cheia a 13 de Novembro de 2017 às 20:59
Obrigado.


De HD a 13 de Novembro de 2017 às 20:29
Os meus sentimentos... :-(


De cheia a 13 de Novembro de 2017 às 20:58
Obrigado.


De jabeiteslp a 15 de Novembro de 2017 às 09:05
Que tudo vá bem...


De cheia a 15 de Novembro de 2017 às 16:27
Obrigado.


De omeumaiorsonho a 15 de Novembro de 2017 às 14:45
Lamento imenso


De cheia a 15 de Novembro de 2017 às 16:25
Obrigado.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
14
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. O brilho da nação!

. Adeus

. Verso e reverso

. O que faço?

. Censurados!

. O Clima......

. Se o ridículo matasse ......

. Outono

. Infeções!

. Setembro

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

.tags

. todas as tags

.favorito

. [LIVROS] | As Coisas Que ...

. O Órfão . Capítulo III

. Vaidades

. Já sentiram empatia hoje?

. "The handmaid´s tale": fi...

. Como nasce o amor....

. Os professores deram-me u...

. Há Festa no Panteão! E Ma...

. Oh inclemências indignada...

. Ruas...

blogs SAPO

.subscrever feeds